DPVAT já não consegue mais enganar o ministro Dias Toffoli e o STF

Seguradoras esconderam do presidente do STF, o fabuloso saldo de R$8,9 bilhões Redação Redação 0 Supremo adia decisão […]


DPVAT já não consegue mais enganar o ministro Dias Toffoli e o STF

Seguradoras esconderam do presidente do STF, o fabuloso saldo de R$8,9 bilhões

Redação Redação
0
Supremo adia decisão sobre necessidade de aviso prévio para manifestações
Ministro e presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli. Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O noticiário reproduz a alegação de lobistas de que o DPVAT “ajuda os pobres” pagando remédios e assistência hospitalar, e indeniza vítimas de acidentes nos casos de morte ou invalidez. É uma meia verdade com odor de tapeação, logo percebida pelo presidente do STF, ministro Dias Toffoli, que restabeleceu novos valores do seguro obrigatório, até 85% menores. Criado por seguradoras espertas há 46 anos, o DPVAT é hoje apenas um “cartório” privado que fatura R$ 2 bilhões por ano. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Espertalhões inventaram o seguro obrigatório para garantir faturamento bilionário sem sair do lugar. Nem precisam de vendedores de seguro.

O cidadão recebe o boleto do DPVAT sem nem mesmo saber o nome da seguradora designada por uma “Líder” para tomar seu dinheiro.

Enfrentar o poder das seguradoras foi decisão acertada de Bolsonaro. O errou foi fazer parecer retaliação a Luciano Bivar, presidente do PSL.

Seguradoras esconderam de Toffoli o fabuloso saldo de R$8,9 bilhões. Houve um tempo no Brasil em que dava cadeia mentir à Justiça.

Diariodopoder.com.br


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email