Russos dão mais detalhes sobre a vacina e garantem que é segura e eficaz

WhatsApp
Facebook
Twitter

Vacina foi desenvolvida com tecnologia de vetores adenovirais, em uso desde os anos 1980

Russos dão mais detalhes sobre a vacina e garantem que é segura e eficaz
O registro da vacina russa contra coronavírus foi a notícia mais sensacional desta terça-feira (11) – Foto: reprod Sputinik.

A vacina contra covid-19, anunciada nesta terça-feira (10) pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, é segura e eficaz, segundo informações divulgadas pela agência de notícias Sputinik, daquele país. A vacina foi desenvolvida pelo Centro Gamaleia.

“A tecnologia de utilização de vetores adenovirais como vacinas vetoriais vem se desenvolvendo desde a década de 1980 do século passado”, informa a agência russa. “Ela é segura e eficaz, o que é confirmado em inúmeros estudos”, garante.

O governo de Moscou confirmou que ainda este mês começará a imunizar idosos e outras pessoas consideradas do grupo de risco, bem como pessoal da área médica e professores.

NotíciasRelacionadas
MPF monitora compra de U$ 97 milhões em vacina contra covid-19
Pfizer anuncia que vacina contra Covid-19 poder ser usada até novembro
Já em setembro, será iniciada a vacinação em massa dos cidadãos russos, segundo o embaixador daquele país em Brasília, Sergey Akopov.

Akopov tem mantido conversações com o governo do Paraná para testagem da vacina e também para sua produção em escala industrial.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sobre o Centro Gamaleia
O Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia é tambºem conhecido por Centro Gamaleia para homenagear o acadêmico honorário N.F. Gamaleia. Fundado em 1891, é uma instituição de pesquisa considerada líder no mundo no desenvolvimento de vacinas e medicamentos.

O centro possui uma das coleções únicas de vírus, e também possui sua própria linha de produção de vacinas.

O Centro Gamaleia desenvolveu e licenciou com sucesso duas vacinas de Ebola usando vetores de adenovírus.

Vacinas de adenovírus
A agência Sputinik divulgou o seguinte texto, para explicar a confiabilidade da vacina russa:

Os vetores adenovirais são considerados completamente seguros e também mais adequados para a modificação genética. Um vetor é um vírus que não tem o gene da reprodução, por isso não apresenta perigo de infecção para o corpo. Os cientistas usam vetores para transportar o material genético de outro vírus contra o qual estão fabricando a vacina, para uma célula.

Os adenovírus extraídos de adenóides e normalmente causadores de infecções virais respiratórias agudas (as SARS) tornaram-se os vírus mais comumente usados para a criação de vetores. Existem muitos estudos científicos no mundo em várias édições sobre a criação de vetores adenovirais. Os especialistas do Centro Gamaleya trabalham com vacinas vetoriais de adenovírus desde a década de 1980 e se tornaram líderes mundiais no desenvolvimento desse tipo de vacina.

Os cientistas do Centro Gamaleya criaram com sucesso e receberam um certificado de registro do Ministério da Saúde da Federação Russa para uma vacina contra o Ebola baseada em vetores adenovirais.

A vacina baseada nos vetores de adenovírus contra o síndrome respiratório do oriente médio está passando os últimos testes clínicos. Várias vacinas cantidatos contra COVID-2019 estão também baseadas nos vetores de adenovírus, mas por enquanto nenhuma delas usa o sistema de vacinação de dois vetores criado no Centro de N.F.Gamaleia.

Durante a criação da vacina o gene que codifica a proteína S do espinho do coronavírus implementa-se no vetor do adenovírus. O elemento introduzido é seguro para o organismo, mas ele faz o sistema imune reagir e elaborar anticorpos que nos protegem da infecção.

Diariodopoder.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas Notícias

Screenshot_20240718_121050_WhatsApp
Luto - Adalberto Mendanha
Screenshot_20240714_160605_Chrome
Luto - Morre Dalton di Franco
Screenshot_20240702_125103_WhatsApp
Luto - Cleuza Arruda Ruas
Screenshot_20240702_102327_WhatsApp
Corpo de Bombeiros conduz o corpo do Colega Jesse Bittencourt até o cemitério.
Screenshot_20240701_163703_WhatsApp
Luto - Jesse Mendonça Bitencourt
IMG-20240624-WA0159
Luto - Morre Salvador Santos
Screenshot_20240305_093343_Gallery
Unimed -Teleconsulta
Screenshot_20240312_051459_Facebook
Luto – Gertudes Alves Araujo Finzes
Screenshot_20240304_182440_WhatsApp
Nota de pesar - Francisco Candido Marcolino Neto
Screenshot_20240123_061932_Chrome
Bancada sindical busca consenso para apresentar contraproposta na MNNP

Últimas do Acervo

Screenshot_20240719_062109_Chrome
Dois anos da morte da morte do colega João Caetano da Silva.
Screenshot_20240719_061523_Chrome
Quatro anos da morte da morte do colega Antonio Jose Lizardo.
Screenshot_20240711_181900_WhatsApp
Um ano do falecimento do colega Jose Henrique da Silva.
Screenshot_20240711_123156_Chrome
Nove anos da morte do colega Justino Alves
Screenshot_20240702_125103_WhatsApp
Luto - Cleuza Arruda Ruas
Screenshot_20240702_102327_WhatsApp
Corpo de Bombeiros conduz o corpo do Colega Jesse Bittencourt até o cemitério.
Screenshot_20240701_163703_WhatsApp
Luto - Jesse Mendonça Bitencourt
Screenshot_20240610_144417_Chrome
Um ano da morte do colega Joao Couto Cavalcante
Nossa capa de hoje daremos destaque à colega Datiloscopista do ex-Territorio, Juliana Josefa da Silva, pessoa muito amável e querida por todos que a conhece.
Coletânea de arquivos fotográficos de companheiros antigos da PC - RO
Screenshot_20240510_192125_WhatsApp
Um ano da morte da morte do colega Antônio Rodrigues da Silva

Conte sua história

20220903_061321
Suicídio em Rondônia - Enforcamento na cela.
20220902_053249
Em estrada de barro, cadáver cai de rabecão
20220818_201452
A explosao de um quartel em Cacoal
20220817_155512
O risco de uma tragédia
20220817_064227
Assaltos a bancos continuam em nossos dias
116208107_10223720050895198_6489308194031296448_n
O começo de uma aventura que deu certo - Antonio Augusto Guimarães
245944177_10227235180291236_4122698932623636460_n
Três episódios da delegada Ivanilda Andrade na Polícia - Pedro Marinho
gabinete
O dia em que um preso, tentou esmurrar um delegado dentro do seu gabinete - Pedro Marinho.
Sem título
Em Porto Velho assaltantes levaram até o pesado cofre da Padaria Popular
cacoal
Cacoal nas eleições de 1978 - João Paulo das Virgens