Sinsepol intercede por paridade e integralidade para os policiais dos ex-Territórios

A pedido do presidente Airton Procópio e de vários colegas policiais e diante da grave e prejudicial omissão […]


Sinsepol intercede por paridade e integralidade para os policiais dos ex-Territórios

A pedido do presidente Airton Procópio e de vários colegas policiais e diante da grave e prejudicial omissão no parecer n° 004/2020/CONSUNIAO/GGU/AGU, que não colocou os policiais civis dos ex-territórios na paridade e integralidade com as demais carreiras policiais, ignorando assim todos os pareceres, cartas técnicas, julgados e acórdão existentes, que asseguram tal paridade e integralidade, o presidente do Sinsepol, Rodrigo Augusto Macedo Marinho, prontamente via internet encaminhou expedientes para os Senadores Marcos Rogério da Silva Brito, Confúcio Aires Moura, Acir Gurgacz e aos Deputados Federais Leonardo Barreto de Moraes, Mariana Fonseca Ribeiro Carvalho de Moraes, Mauro Nazif Rasul, Expedito Gonçalves Ferreira Netto, Lúcio Antônio Mosquini, João Chrisóstomos de Moura, Dirlene Jaqueline Cassol e Silvia Cristina Amancio Chagas , entregando os originais desses expedientes nos escritórios dos políticos localizados em Porto Velho.

Assegura Rodrigo Marinho, que os policiais do ex-Território de Rondônia são sindicalizados fundadores do Sinsepol e, portanto é sua obrigação se incorporar as suas demandas e que além dos expedientes enviados, irá fazer contato pessoal, principalmente com aqueles parlamentares mais aproximados e conhecedores das necessidades e brigas dos policiais.

O presidente Airton Procópio se mostrou muito feliz com a intervencao do Sinsepol na pessoa do presidente Rodrigo Marinho, pois na sua visão o sindicato co-irmão vem somar forças com o Sinpfetro na tentativa que seja retificado o citado parecer, que poderá se transformar futuramente em lei, pois só desta forma os policiais dos Ex-territórios terão tranquilidade absoluta com relação aos reajustes salariais que vierem a ocorrer.

Airton confia que com a União dos nossos órgãos de classe e que com o prestígio de cada entidade junto a nossa classe política, poderemos mais facilmente alcançar os nossos objetivos.


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email