Bolsonaro ri de quem o pede para agir como estadista: ‘Nunca serei isso, talkei?’

Nem mesmo os militares conseguem convencer presidente a evitar polêmicas Quando ouviu um auxiliar muito próximo sugerir “comportamento […]


Bolsonaro ri de quem o pede para agir como estadista: ‘Nunca serei isso, talkei?’

Nem mesmo os militares conseguem convencer presidente a evitar polêmicas

Quando ouviu um auxiliar muito próximo sugerir “comportamento de estadista”, Bolsonaro deu uma gargalhada e, com seu jeito gozador, deixou tudo bem claro: “Nunca serei isso, ‘talkei’?”. Foto: Marcos Corrêa/PR
Quando ouviu um auxiliar muito próximo sugerir “comportamento de estadista”, Bolsonaro deu uma gargalhada e, com seu jeito gozador, deixou tudo bem claro: “Nunca serei isso, ‘talkei’?”. Foto: Marcos Corrêa/PR

Após 28 anos de mandato parlamentar, o presidente Jair Bolsonaro sempre rejeita qualquer tentativa de auxiliares, inclusive militares, de convencê-lo a evitar declarações polêmicas, que frequentemente geram novas crises. Quando ouviu um auxiliar muito próximo sugerir “comportamento de estadista”, Bolsonaro deu uma gargalhada e, com seu jeito gozador, deixou tudo bem claro: “Nunca serei isso, ‘talkei’?” A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Nesta sexta (16), Bolsonaro voltou a marcar distância do modelito que muitos imaginam nele: “Eu não sou politicamente correto e ponto final!”

A espontaneidade, melhor atributo de Bolsonaro, está sendo usada contra ele, avaliam marqueteiros, após cada declaração à imprensa.

Bolsonaro não dá ouvidos a assessores de imprensa. Não os respeita, como desdenha de marqueteiros. Confia mais no próprio taco.

 

Diariodopoder.com.br


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email