Decreto, impõe isolamento social em Porto Velho e Candeias – Sindicato fecha

O governador de Rondônia, Marcos Rocha (PSL), baixou novo decreto neste domingo (7), realizando novos ajustes na norma […]


Decreto, impõe isolamento social em Porto Velho e Candeias – Sindicato fecha

O governador de Rondônia, Marcos Rocha (PSL), baixou novo decreto neste domingo (7), realizando novos ajustes na norma anterior (decreto 25.113), que ampliava as medidas de restrição em Porto Velho e Candeias por conta do Coronavírus.que determina o *Isolamento Social Restritivo* (Lock Down): nas cidades de Porto Velho e Candeias:

Por conta de tal Decreto, fica *RESTRITA* circulação das pessoas entre os dias 06 a 14 de Junho.

Também passa a ser obrigatório a comprovação por *Declaração* para *Os deslocamentos autorizados*

🚫 O descumprimento ensejará em sanção Penal prevista na lei, e será aplicada medidas administrativas:

– Advertência
– Multa

A fiscalização ao cumprimento desse Decreto, serão aplicadas pelas *autoridades de segurança, de Saúde, Sanitárias e órgãos de fiscalização*.
Para saída providencie sua declaração junto ao a sua EMPRESA (Serviços Essenciais) e

Providencie a sua declaração para ir a rua realizar sua subsistência, apenas para

– Farmácia;
– Padaria;
– Supermercado, e outros autorizados. Tais saídas, ficam limitadas a apenas

01(um) membro da Família somente!! ⚠️

Para o *Bem e Saúde de Todos* – Faça sua Parte – CUMPRA o DECRETO!

O presidente Airton Procópio, sempre preocupado com o bem-estar dos sindicalizados. solicita que seja fielmente cumprido tal decreto. devendo os colegas saírem o estritamente necessários como supermercados e farmácias e sempre apenas um membro da família,cumprindo assim a determinação governamental  e acima de tudo se preservando contra esse terrível vírus, que causa essa pandemia, informa por fi o presidente Airton que visando atender o citado decreto, o Sindicato ficará fechado, só retornando as atividades após o dia 14 de junho Isolamento Social Restritivo.


Seja o primeiro a colaborar

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email