Justiça desbloqueia precatório do PSS.   

O presidente Airton Procópio, com bastante alegria informa que a Justiça Federal na pessoa do magistrado Eduardo S. […]


Justiça desbloqueia precatório do PSS.   

O presidente Airton Procópio, com bastante alegria informa que a Justiça Federal na pessoa do magistrado Eduardo S. da Rocha Penteado da 14ª Vara Federal em Brasília,  liberou o precatório do PSS, que irá beneficiar  254 sindicalizados que foram escritos para receberem no corrente exercício. Já que os demais 391 substituídos irão receber apenas no exercício de 2020.

 O citado processo foi totalmente saneado com todas as pendências resolvidas, determinando o magistrado, a habilitação de alguns herdeiros e de também de pessoas que adquiriram a cessão de direito de alguns sindicalizados.

 Airton tem consciência que a sua ida até a 14ª Vara, junto com   da Dra Franciane do escritório do advogado Breno de Paula, levando junto o sindicalizado Antonio Barros, o Poeta e os contatos mantidos ali foram determinantes para apressar o desbloqueio, nem como as diligencias empreendidas junto com Breno de Paula junto a Vara Federal em Porto Velho.

 Imagina Airton, que como estamos na Semana Santa é bem possível que o desbloqueio só ocorra na semana que vem, com a comunicação a rede bancária, mais precisamente o Banco do Brasil e Caixa Econômica, mas tanto ele Airton quanto o advogado Breno de Pula irão acompanhar a tramitação até que se efetivem os pagamentos dos citados precatórios, informando tudo aos sindicalizados.    


5 Comentários

  1. Osvaldo Danin Rossendy. disse:

    onde se lê : ‘ NEM COMO AS DILIGÊNCIAS EMPREENDIDAS JUNTO COM BRENO DE PAULA JUNTO A VARA FEDERAL EM PORTO VELHO .
    LEIA-SE : ‘ Bem como as diligências empreendidas junto co Breno De Paula junto a Vara Federal em Porto Velho”.
    Entendi assim…

  2. Osvaldo Danin Rossendy. disse:

    bem como as diligências empreendidas jun com Breno De Paula.

  3. Osvaldo Danin Rossendy. disse:

    hoje estou todo enrolado com a ortografia.

  4. RENATO ABREU disse:

    Grato pela informação esclarecedora.

Deixe seu comentário!

Informe seu nome
Informe seu email